Aprenda: você só precisa de quem precisa de você. O resto é resto. E nada mais.
Posted 13 November 2011, 2 years ago | 807 notes | reblog this post
(originally affectingyou / via affectingyou)
Posted 13 November 2011, 2 years ago | 4,523 notes | reblog this post
(originally affectingyou / via affectingyou)

Gostei de outros caras. É, gostei. Mas nada perto de como eu amo você. Com eles era diferente. Mais leve, mais simples. O que temos é um grande amor. É complicado, intenso, nos consome. Não importa o que fazemos e o quanto lutamos, sempre vai nos puxar para perto um do outro. Sempre vai nos conectar. E qual a felicidade em encarar tudo isso, certo? Mas sabe.. Isso não é o mais importante. Pessoas não escrevem sonetos sobre compatibilidade ou romances sobre metas em comum e conversas estimulantes. Os grandes romances são os irracionais. (affectingyou)

Posted 13 November 2011, 2 years ago | 2,139 notes | reblog this post
(originally affectingyou / via affectingyou)

Toda menina é doce por natureza. Toda menina sonha, almeja. Toda menina deseja viver num conto de fadas e, por ventura, acabar encontrando um príncipe encantado montado no cavalo branco que a leve para viver em seu suntuoso castelo. Toda menina deseja ser a típica donzela indefesa, protegida por seu príncipe. Mas toda menina é sensível. Toda menina se magoa com qualquer palavra mal intencionada. Se magoa com atitudes um tanto quanto frias e rudes. Se magoa quando a realidade em que vive não se parece nada com o conto de fadas que ela tanto sonhou vivenciar. Toda menina nasce pura, ingênua, doce. Toda menina nasce com um coração cheio de amor para dar. Mas a realidade vai mudando-a. As peças que a vida prega, as pessoas que a maltratam e a pisam.. Tudo isso frustra toda e qualquer menina. Sabe aquela menina cheia de brilho, sonhos e de ternura? Ela se tornou uma mulher. Menos sonhadora, mais realista. Aquela menina se tornou uma mulher que ama a si mesma. Que se valoriza. Essa mulher, hoje, reconhece que é coisa demais, que é boa demais. Ela parou de engrandecer os outros, e começou a reconhecer seu próprio tamanho, seu próprio brilho. Aquela menina que antes se desmerecia por superestimar os outros, hoje é uma mulher bem resolvida consigo mesma. As feridas no caminho a deixaram mais forte. E, hoje, ela sabe que é capaz de tudo o que desejar. Mas não pense que ela mudou por opção.. A vida a obrigou mudar. Seu coração mudou. Ou melhor, está passando por mudanças.. Uma metamorfose um tanto quanto gélida. É, meus queridos.. Congelar é questão de sobrevivência. Que seja dado o recado: Ladies and gentleman.. The cold heart bitch is back! (affectingyou)

Posted 13 November 2011, 2 years ago | 3,625 notes | reblog this post
(originally affectingyou / via affectingyou)
E é aí que você percebe que o orgulho da pessoa é maior do que o amor dela por você.
Posted 13 November 2011, 2 years ago | 1,099 notes | reblog this post
(originally affectingyou / via affectingyou)